Quando devo procurar um fisioterapeuta_

Quando devo procurar um fisioterapeuta?

O senso comum associa a Fisioterapia a contusões e recuperação. Mas não é bem assim! Um fisioterapeuta pode atuar em diversas áreas e fases da vida, melhorando a saúde e a qualidade de vida do indivíduo. 

Os fisioterapeutas trabalham na resolução e prevenção de doenças, desde as ortopédicas até complicações respiratórias. Quer saber em quais situações você deve procurar um fisioterapeuta? Então leia o artigo e descubra! 

Situações em que um fisioterapeuta é indicado

1- Quando você tem problemas posturais

Maus hábitos levam as pessoas a terem problemas com a postura. A cifose (conhecida popularmente como corcunda) causa inúmeros problemas no dia a dia, além do incômodo estético. 

A Fisioterapia, em situações como essa, atua no alívio dos efeitos da cifose no organismo, como a dificuldade para respirar, a dor nas costas, o desconforto, a rigidez muscular e a forma corcunda. 

2- Com a chegada da terceira idade

Idosos são mais propensos às perdas de sensibilidade e perdem, com o passar dos anos, o controle dos movimentos. Além disso, eles tendem a sofrer acidentes devido à fraqueza muscular. 

A Fisioterapia Geriátrica tem como objetivo prevenir e tratar problemas que surgem com o avançar dos anos, melhorando a qualidade de vida do idoso e tornando-o mais ativo e independente. 

3- Após sofrer um AVC

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) pode deixar diversas sequelas, como alterações motoras e apraxias. Nesses casos, a Fisioterapia atua ajudando a desenvolver a capacidade motora do paciente e fazendo-o voltar a realizar as atividades diárias sozinho. 

As sessões de fisioterapia, nessas situações, devem começar quanto antes. De preferência, ainda no hospital. 

4- Para prevenir e tratar lesões esportivas

A prática de esportes pode levar a inúmeras lesões. Seja por excesso de esforço ou por movimentos realizados de forma incorreta, todas as modalidades podem levar à contusão.

A avaliação fisioterápica permite identificar e corrigir possíveis desvios posturais e sobrecargas musculares, além de tratar luxações, lesões em ligamentos, tendinites, entorses e fraturas. 

5- Quando você está sentindo dor

Dores podem ser relacionadas às lesões, doenças, fatores psicológicos, esforço excessivo e diversos outros motivos. Para todos esses problemas, a Fisioterapia apresenta-se como uma aliada. 

Através dela, é possível: aumentar a amplitude dos movimentos, reduzir quadros inflamatórios, tratar deformidades articulares, elevar a força muscular, dentre outros ganhos. 

6- Para o acompanhamento da gestação

Durante o período da gestação o corpo da mulher passa por diversas mudanças e ela precisa se adaptar. As principais indicações da Fisioterapia Obstétrica são para: melhora da postura, redução de inchaços, diminuição das dores lombares, nas articulações, nos pés e nas pernas, melhora na circulação sanguínea e fortalecimento do assoalho pélvico.

7- Em quadros de incontinência urinária

Casos de incontinência urinária de urgência e de esforço em homens, mulheres, crianças ou após a retirada da próstata podem ser tratados através da Fisioterapia. Os exercícios visam fortalecer os músculos do assoalho pélvico para impedir a perda involuntária de urina. 

Tratamento multidisciplinar

É importante ressaltar que o tratamento com um fisioterapeuta não dispensa a ida a médicos e outros profissionais da saúde. Equipes multidisciplinares trabalham em conjunto para que haja a melhora do paciente e, de forma integrada, promovem um tratamento completo e com mais eficácia. 

Quer saber mais sobre Fisioterapia? Então clique no banner e acesse todo o meu conteúdo.

Fisioterapia em Moema

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp